TAG: Beatles Book

Antes de tudo, peço desculpas a quem por acaso tenha me indicado para alguma tag nas últimas semanas e eu não tenha nem mesmo respondido a indicação. Estive muito atarefada nesse período, tanto que postei menos do que gostaria. Adoraria participar do BEDA (Blog Every Day of April), mas acho difícil conseguir, pois escrever bons posts para 30 dias seguintes é uma tarefa bastante complexa (e, exatamente por isso, admiro muito quem conseguir fazer o BEDA!). Tentarei, porém, aumentar a frequência com que posto em nome do espírito do #BEDA – e o principal disso é a continuação de Extranjera/Foreigner, que na verdade nada mais é que o capítulo inicial de Second Best, spin-off de uma das séries que escrevo.

Dito isso, agradeço à querida Sílvia, do Reflexões e Angústias, por ter-me indicado para mais uma deliciosa TAG literária, a Beatles Book.

♠ Twist and Shout – um livro que sempre te deixa feliz: Qualquer um da Sophie Kinsella, sobretudo se envolverem uma certa Rebecca Bloomwood.

♠ All my loving – um livro com uma história romântica: Nicholas Sparks – O Casamento

♠ Across the universe – um livro transcendente: Jojo Moyes – Como eu era antes de você

♠ Help! – um livro onde o protagonista sofra/coma o pão que o diabo amassou: Ka Hancock – Dançando Sobre Cacos de Vidro

♠ Beatles For Sale – um best seller favorito: Margaret Mitchell – E O Vento Levou (meu favorito ever ever ever haha) ❤

♠ Penny Lane – um livro que te lembre o lugar onde você nasceu: Bruno Garschagen – Pare de Acreditar no Governo (Por que os brasileiros não confiam nos políticos e amam o estado) PS: meu exemplar está autografado pelo autor ❤

♠ In My Life – biografia ou memória favorita: Nunca li esse tipo de livro, mas adoraria ler as biografias de Margaret Thatcher e a de Winston Churchill.

♠ Strawberry Fields Forever – um livro que te fez crescer de alguma forma: Barbara Taylor Bradford – A Woman of Substance, por causa da grande história de mérito da protagonista.

♠ Sgt. Pepper’s Lonely Heart Club Band – livro fantástico favorito: A série As Brumas de Avalon, de Marion Zimmer Bradley.

Magical Mistery Tour – um livro que contenha um universo mágico, fantasioso, surreal: Não chega a ser um universo mágico, mas tem seu algo bizarramente assustador, que é We Were Liars (Mentirosos, na edição brasileira), de E. Lockhart.

♠ White Album – um calhamaço: Rosamunde Pilcher – Os Catadores de Conchas – são mais de 700 páginas.

♠ The long and winding road – um livro triste: Colleen McCoulough – Pássaros Feridos, que li em 2014 e me fez chorar em diversas passagens. ❤

♠ Revolution – um livro com personagem questionador: Jane Austen – Orgulho e Preconceito, com minha querida Lizzie Bennett.

Confesso que foi dificílimo não indicar E O Vento Levou em mais de um dos itens, pois tenho um apego gigantesco por este magistral romance que é meu favorito desde a primeira página lida em que Scarlett conversa à varanda da casa grande de Tara com os gêmeos Tarleton… <3`não vou indicar ninguém em especial, mas ficarei muito feliz caso veja outros blogs respondendo a TAG graças ao meu post.

Thaís Gualberto

Anúncios

7 comentários sobre “TAG: Beatles Book

  1. Silvia Souza disse:

    Que bom que você respondeu, Thaís! Obrigada pela atenção a essa TAG! Fiquei muito feliz!
    Posso fazer uma confissão vergonhosa???
    Não li nenhum dos livros que você citou… :O
    Colocarei alguns deles na minha lista de leitura.
    Beijo grande e um ótimo final de semana!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s